Para muitas pessoas, o YouTube é um site onde podem passar horas intermináveis ​​assistindo a vídeos de gatos, análises de produtos ou outras pessoas jogando videogame. Para outros, é uma forma de ganhar dinheiro.

Tornar-se um YouTuber profissional pode parecer divertido, mas você terá que se esforçar para começar, e não há garantia de que vai valer a pena. Se você quer ganhar dinheiro rápido, pode considerar outras opções . No entanto, se você já é um criador de vídeos ávido e está disposto a fazer um esforço extra, pode ganhar dinheiro no YouTube.

Como receber pagamentos no YouTube

1.  Inscreva-se no Programa de Parcerias do YouTube

Para ganhar diretamente pelo YouTube, você deve fazer parceria com o site. Depois de fazer isso, existem várias maneiras de ganhar dinheiro, mas para se tornar um parceiro, você deve atender aos requisitos:

  • Seus vídeos devem obedecer às diretrizes de publicidade do site e ter mais de 4.000 horas de exibição pública válidas nos últimos 12 meses.
  • Você deve morar em uma área elegível.
  • Você precisa de mais de 1.000 assinantes.
  • Você precisa vincular uma conta do Google AdSense .

Quanto mais vídeos você tiver, mais fácil será atingir o limite de horas de exibição. Vídeos divertidos e de alta qualidade têm mais chances de obter visualizações, por isso vale a pena se esforçar no planejamento e na produção. Depois de cumprir os requisitos, você pode se inscrever clicando em seu perfil e navegando até a seção “monetização”. Como parceiro, você pode ganhar dinheiro por meio de anúncios, benefícios de assinatura e recursos como o Super Chat, que permite que os espectadores paguem para ter suas mensagens destacadas durante uma transmissão ao vivo.

2. Conecte-se ao Google AdSense

Para ser aprovado como parceiro, você precisa conectar seu canal ao Google AdSense, o sistema de publicidade da empresa. Os anunciantes usam o AdSense para licitar por espaço em vídeos com base em fatores como seu público, tópico do vídeo e palavras-chave relevantes. Em geral, você será pago com base no número de “impressões” que seus vídeos obtêm; é quando alguém clica ou assiste a um anúncio. Os anúncios não são exibidos sempre que alguém assiste a um vídeo, portanto, as visualizações não se traduzem diretamente em dinheiro no banco. Além disso, o YouTube fica com uma parte da receita de anúncios; não divulgaria essa taxa.

Você receberá pagamentos assim que seu saldo atingir US $ 100, portanto, se você tiver um pequeno canal, poderá receber apenas em alguns meses. Você pode querer reservar parte desse dinheiro para impostos porque o Google, que emite os pagamentos do AdSense, pode não deduzir toda a sua obrigação fiscal.

3. Confira o YouTube Premium

O AdSense não é a única maneira de os parceiros ganharem dinheiro no YouTube. Você também pode disponibilizar vídeos no YouTube Premium, que é o serviço de assinatura sem anúncios do site. Você receberá uma parte da receita das taxas de associação, com base na quantidade de membros que assistem aos seus vídeos.

4. Use colocação de produto e patrocínio de vídeo

Empresas interessadas no público de seu canal podem patrocinar seus vídeos ou oferecer a você acordos de colocação de produtos em troca de uma mensagem. Você provavelmente receberá pagamentos por venda ou em níveis de comissão. Pesquise em sites de marketing de afiliados, como ShareASale, ClickBank e CJ Affiliate, possíveis parceiros corporativos – e certifique-se de garantir a empresa e os produtos que está vendendo antes de se inscrever. Se você tiver um endosso ou colocação de produto em um vídeo, deve notificar o YouTube  marcando a caixa “vídeo contém promoção paga” na guia de configurações avançadas de seu gerenciador de vídeo.

5. Venda produtos ou serviços para os espectadores

Se você tem mercadorias ou oferece um serviço relevante para o seu público, informe-os sobre isso e forneça links em seus vídeos. Por exemplo, Ryan Kaji, estrela do canal infantil do YouTube Ryan’s World, vende brinquedos, camisetas e outros itens. Vender um produto físico pode exigir que você compre materiais ou encontre um fabricante, mas você também pode vender itens para download, como e-books ou impressões de arte. Tenha um sistema de pagamento seguro em vigor antes de anunciar seus produtos.

6. Encontre fãs no mundo real

Meetups e eventos semelhantes permitem que os YouTubers se conectem com os espectadores e vendam mercadorias. Eles geralmente são mais adequados para aqueles com assinantes ativos e engajados. Aqueles com públicos menores podem querer pular eventos com ingressos e apostar nas vendas de mercadorias. Ou se, por exemplo, seus vídeos ensinam os espectadores a desenhar, você pode criar uma aula gratuita em um parque local e vender seu livro de técnicas de desenho depois.

7. Recorra ao financiamento coletivo

Existem dois tipos principais de financiamento coletivo: recorrente e baseado em projetos. O crowdfunding recorrente permite que os contribuidores paguem uma quantia especificada por eles em um cronograma regular. Você gostaria de maximizar esse tipo de financiamento para transformar um canal em um fluxo de receita substancial. Incentivos como chats de vídeo individuais, aulas particulares ou mercadorias podem motivar os espectadores a se inscreverem.

FONTE: https://g1.globo.com/

FONTE: https://www.r7.com/

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/

FONTE: https://noticias.uol.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *